noticias849 Seja bem vindo ao nosso site Jornal Voz do Piraqueaçu!

Meio Ambiente

Chefe da ONU alerta que a humanidade tem 2 anos para salvar o planeta

Enquanto o tempo corre, é crucial que cada indivíduo também faça sua parte, diz Luana Romero, diretora-executiva do Ideias.

Publicada em 22/04/24 às 18:06h - 87 visualizações

Assessoria de Comunicação


Compartilhe
Compartilhar a noticia Chefe da ONU alerta que a humanidade tem 2 anos para salvar o planeta  Compartilhar a noticia Chefe da ONU alerta que a humanidade tem 2 anos para salvar o planeta  Compartilhar a noticia Chefe da ONU alerta que a humanidade tem 2 anos para salvar o planeta

Link da Notícia:

Chefe da ONU alerta que a humanidade tem 2 anos para salvar o planeta
É necessário cuidar do planeta  (Foto: Divulgação)

Em uma chamada urgente à ação, o chefe do clima da Organização das Nações Unidas (ONU) alertou recentemente que a humanidade tem apenas dois anos para tomar medidas drásticas e evitar as consequências devastadoras da mudança climática. Simon Stiell, secretário-executivo da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas, destacou que governos, líderes empresariais e instituições financeiras têm um prazo apertado para agir e conter o avanço do aquecimento global.

 

Stiell enfatizou a urgência da situação, observando que o tema do aquecimento global está perdendo espaço na agenda política, enquanto o relógio do clima continua avançando impiedosamente. Os cientistas têm sido incisivos em suas advertências, indicando que reduzir pela metade as emissões de gases do efeito estufa até 2030 é uma meta crucial para evitar um aumento catastrófico de mais de 1,5ºC nas temperaturas globais, em comparação aos níveis pré-industriais.

 

De acordo com a diretora-executiva do Ideias, Luana Romero, os últimos dados são alarmantes: "As emissões mundiais de CO2 relacionadas à energia atingiram níveis recordes no ano passado, e os compromissos atuais para combater as mudanças climáticas estão longe de serem suficientes para conter a crise até 2030", alertou.

 

Diante desse cenário, Luana ressalta o posicionamento do chefe de clima da ONU de que os próximos dois anos serão "essenciais para salvar nosso planeta". A pressão recai sobre os governos, que precisam implementar políticas ambiciosas de redução de emissões e transição para energias limpas, e sobre o setor privado e financeiro, que devem direcionar investimentos para soluções sustentáveis e inovadoras.

 

"Enquanto o tempo corre, é crucial que cada indivíduo também faça sua parte. Reduzir o consumo de energia, diminuir o uso de plástico, adotar uma alimentação mais sustentável, apoiar a conservação da natureza e educar e conscientizar sobre questões ambientais são passos fundamentais que todos podemos tomar para ajudar a enfrentar essa crise global", conclui a diretora-executiva do Ideias.


Com informações da Assessoria de Comunicação da Ideias




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

1 comentário


Luciana

22/04/2024 - 18:44:03

Sensacional essa matéria, venho alertando sobre esses efeitos catastróficos há anos.Mas dá tempo ainda, basta qerer


Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (27) 9 9265-3511

Copyright (c) 2024 - Jornal Voz do Piraqueaçu - Não para nós, não para nós,Senhor, mas para Sua Glória!
Converse conosco pelo Whatsapp!