noticias125 Seja bem vindo ao nosso site Jornal Voz do Piraqueaçu!

Brasil

Governo do Estado debate demandas com representantes do Centro do Comércio de Café de Vitória

Exportações do agronegócio capixaba atingiram 1,7 bilhão de dólares em 2022, de acordo com Secretaria da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag)

Publicada em 02/02/23 às 17:55h - 72 visualizações

Assessoria de Comunicação


Compartilhe
Compartilhar a noticia Governo do Estado debate demandas com representantes do Centro do Comércio de Café de Vitória  Compartilhar a noticia Governo do Estado debate demandas com representantes do Centro do Comércio de Café de Vitória  Compartilhar a noticia Governo do Estado debate demandas com representantes do Centro do Comércio de Café de Vitória

Link da Notícia:

Governo do Estado debate demandas com representantes do Centro do Comércio de Café de Vitória
Ferraço conversa com setor cafeicultor  (Foto: Divulgação - Assessoria Vice-Governadoria)

O vice-governador e secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ricardo Ferraço, participou, nesta quinta-feira (02), de reunião de trabalho com a Diretoria Executiva do Centro do Comércio de Café de Vitória (CCCV). Na ocasião, foram debatidos os pontos-chaves para ampliar a competitividade do comércio e das exportações capixabas de grão e derivados.


"Não é novidade para ninguém a importância que a cadeia produtiva do café tem para o Espírito Santo. Somos referência mundial na produção, temos grandes empresas de beneficiamento. Uma fatia significativa das exportações do agronegócio tem o café e derivados como destaque no Estado. O crescimento da cafeicultura capixaba faz parte da história do desenvolvimento do Espírito Santo e, de acordo com cada ciclo, é necessário que sejam feitos ajustes para favorecer e ampliar a competitividade do setor nos mercados nacional e internacional", destacou Ricardo Ferraço.


De acordo com o levantamento divulgado na última semana pela Secretaria da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag), as exportações do agronegócio capixaba atingiram 1,7 bilhão de dólares em 2022. Mesmo ocupando a segunda colocação na pauta das exportações, atrás apenas da celulose, o café registrou queda.


"Esse cenário se repetiu nos últimos dois anos. Após um pico considerável em plena pandemia em 2020, a queda acumulada em 2021 e 2022 é de 78%. A perda de faturamento é muito grande. Temos pautas prioritárias para o setor, nas áreas de infraestrutura e logística, e fiscal tributária. Evoluindo nesses pontos, vamos superar gargalos que dificultam a manutenção e a expansão das operações", ressaltou o presidente do Centro do Comércio de Café de Vitória, Fabrício Tristão.


Um dos encaminhamentos consolidados na reunião é a intermediação do Governo do Espírito Santo com as administrações dos Portos de Praia Mole (Serra) e Portocel (Aracruz), com o objetivo de viabilizar a atracação de navios conteineiros de maior porte, superando o limite físico existente no Porto de Capuaba (Vila Velha).


Com informações da Assessoria da Vice-Governadoria





ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (27) 9 9265-3511

Copyright (c) 2024 - Jornal Voz do Piraqueaçu - Não para nós, não para nós,Senhor, mas para Sua Glória!
Converse conosco pelo Whatsapp!